EVENTO REALIZADO NA CÂMARA DE ALAGOINHAS DISCUTE IMPORTÂNCIA DOS CONSELHOS PÓS-COVID

Aconteceu no dia 25 de julho na Câmara Municipal de Alagoinhas, em decorrência do que fora solicitado através do ofício nº 022/2022, de autoria do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, um evento que reuniu diversas entidades e teve como objetivo discutir e apresentar a importância dos Conselhos nas Políticas Públicas pós-Covid. O encontro foi realizado pela Casa Legislativa em parceria com o Conselho e o mandato do vereador Thor de Ninha.

Participaram do evento: estudantes e professores dos cursos técnicos do Colégio Estadual Deputado Luís Eduardo Magalhães (Barreiro), representantes dos Conselhos de Saúde, de Assistência, do Conselho Tutelar, da Associação de Oncologia Nova Vida, da Associação de Moradores do MANGALÔ, do NTE, do Exército Brasileiro, Pastoral, Pestalozzi, APAE e representantes da Prefeitura (SEFAZ, SMTT, SEMAS e SESAU).

Ao iniciar, o vereador Thor de Ninha falou da importância da atividade e pontuou: “Apenas com a participação popular faremos com que a democracia funcione. Nós temos diversos e diversos movimentos: feministas, negros, das pessoas com deficiência, LGBTs, diversos movimentos porque não é mais possível que num mundo como esse se aceite que apenas um grupo privilegiado tenha acesso a todos os bens de consumo enquanto outros grupos não tenham acesso a nada”.

Compuseram a mesa, além do vereador: Leise Catiussia Nonato – Presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, Danilo Rodrigues – Defensor Público, Edmundo Xavier – membro da ABACI e Diretor da Vida Brasil e Cristina Gonçalves – Professora aposentada, integrante da casa da Coordenação Executiva do Fórum de Cultura da Bahia, do Movimento Brasileiro de Mulheres cegas e baixa visão.

A professora Cris Mendes, da SEDUC e na ocasião representando famílias de pessoas com deficiência, conhecida no mundo da poesia como “Flor da Aldeia” apresentou escritos produzidos por pessoas com deficiência, ressaltando a importância da discussão acontecer na Casa do Povo.

Catiussia destacou: “Esse dia de hoje vejo como um momento histórico: uma mulher com deficiência visual ocupando um lugar, porque somos pessoas competentes e potenciais, o que nos falta é oportunidade”. Complementando ainda: “Somos diversos, somos plurais pela pessoa que somos. Antes de uma deficiência, existe uma pessoa”.

Para assistir o evento na íntegra é só clicar no link: https://youtu.be/KOQcwz8aqOw

Entre os encaminhamentos, foi sugerida a produção de uma Carta Aberta solicitando que a Prefeitura institua um departamento específico que trate as demandas das pessoas com deficiência, junto aos Conselhos municipais.

Mariana Villanova
Assessoria de Comunicação – Ascom
Câmara Municipal de Alagoinhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ouvidoria

perm_phone_msg (75) 3318-3319
Horários de funcionamento. Segunda à quinta-feira: 08h às 13h, 14h às 17h. Sexta: 8h às 13h