TRANSPORTE COLETIVO DE ALAGOINHAS É TEMA DE DEBATE EM ENCONTRO REALIZADO NA CÂMARA MUNICIPAL

Aconteceu hoje (14), na Casa Legislativa de Alagoinhas, um encontro que reuniu diferentes entidades para tratar de assuntos relacionados ao sistema de transporte coletivo urbano: um deles referiu-se ao reajuste da tarifa. Integrantes do Conselho Municipal de Transporte haviam sido convocados pelo superintendente interino da SMTT, Jurandy Carvalho, para participar da reunião ordinária e deliberar sobre a questão.

Representando a Câmara, além do presidente José Cleto, que cedeu o espaço para a realização do encontro e compôs a mesa, compareceram as vereadoras Luma Menezes e Juci Cardoso, e os vereadores Juracy Nascimento e Edy da Saúde. Compuseram ainda a mesa diretora: Roberto Torres, vice-prefeito e secretário da SESEP, Jurandy Carvalho, superintendente interino da SMTT, Dr. Gomes, secretário de Relações Institucionais e Alex Viana, Cap. da PM.

Representantes da SECIN, SEMAG, SEFAZ, SINDMETRO, SINDETCURA/ATP, Cidade das Águas, UAMA e UARA também marcaram presença.

Entre os assuntos levantados pelos presentes, foi mencionado a necessidade de melhoria urgente das frotas. Na oportunidade, foi realizada pelo consultor da SMTT, Cezar Augusto, uma apresentação com sugestões de novos valores das tarifas, seriam eles: R$ 5,04 (caso fossem cumpridas as recomendações do edital de licitação com um percentual da frota nova), R$ 4 (mantida a atual frota) e R$ 3,53 (proposta pelo presidente da UARA e pelo presidente da UAMA).

Entendendo que qualquer uma das três propostas seria bastante acima do que a população pudesse custear, e percebendo que o reajuste corresponderia a mais de 30% do valor praticado atualmente, o presidente José Cleto, na ocasião, fez uma proposição sugerindo o valor de R$ 3. A proposta foi submetida à votação e venceu por 6 votos, sendo acatada pela maioria dos conselheiros. O Conselho recomendará que o gestor do executivo faça a alteração considerando a sugestão apresentada.

“O sistema de transporte precisa ser discutido de forma ampla, não somente a questão da majoração da tarifa, mas a qualidade do transporte precisa ser discutida minunciosamente, porque o sistema está chegando ao colapso e a população não pode ser penalizada, pois depende do transporte. Estamos prontos aqui na Casa Legislativa para discutir esse tema e tantos outros que a sociedade de Alagoinhas entenda que precisam ser discutidos”, ressaltou José Cleto em entrevista à assessoria.

Ascom – Câmara Municipal de Alagoinhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ouvidoria

perm_phone_msg (75) 3318-3319
Horários de funcionamento. Segunda à quinta-feira: 08h às 13h, 14h às 17h. Sexta: 8h às 13h