Vereador Edilon Ramos critica Seduc pelo atraso na votação do PME

Edilon-Oliveira

 

O vereador Edilon Ramos (PV) solicitou ao presidente da Câmara, vereador Roberto Torres, que forme uma Comissão de Vereadores para visitar a secretária de Educação do município para debater os rumos da votação do PME – Plano Municipal de Educação, cujos artigos polêmicos ficaram para este ano.

 

O vereador, membro da bancada evangélica, é um dos críticos ferrenhos à colocação do artigo 4.9, que diz que caberá ao Poder Público “Apoiar a implementação de políticas de prevenção à evasão escolar motivada por preconceito e discriminação à orientação sexual, pessoas com deficiências e identidade de gênero, participando da rede de proteção contra formas associadas de exclusão”.

 

Em documento encaminhado ao prefeito Paulo Cezar, a bancada sugeriu a alteração do artigo, dando a ele o seguinte teor; “Apoiar projetos e ações na perspectiva de conscientização e ampliação de acesso no que se refere à prevenção à evasão escolar motivada por intolerância à grupo ou segmento religioso, pessoas com deficiências, orientação sexual, grupos tradicionais, participando da rede de proteção contra formas associadas de exclusão”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + cinco =

Ouvidoria

perm_phone_msg (75) 3318-3319
Horários de funcionamento. Segunda à quinta-feira: 08h às 13h, 14h às 17h. Sexta: 8h às 13h