Medalha “Mãe Helena de Honra ao Mérito Social” é entregue na Câmara Municipal de Alagoinhas

Em atendimento ao requerimento n°047/2023, de autoria do vereador Anderson Baqueiro, foi realizada na Câmara Municipal de Alagoinhas na última terça-feira (24) Sessão Solene de Entrega da Medalha “Mãe Helena de Honra ao Mérito Social”, ocasião que condecorou pessoas físicas e entidades do terceiro setor.

Ao iniciar a sessão, a vereadora Raimunda Florêncio abriu os trabalhos, passando a palavra para o vereador autor, que conduziu o evento.

Compuseram a mesa diretora, além do vereador Anderson Baqueiro, o ouvidor municipal, David Ribeiro, representando o chefe do executivo; o coordenador da secretaria municipal de assistência social, Rildo Silva; o Tenente PM Tourinho, representando o comandante do 4° Batalhão de Polícia Militar em Alagoinhas, Tenente Coronel PM Himério. Também estiveram presentes o presidente do Lar Espírita Mãe Helena, Antônio Servílio, o fundador e presidente da Pastoral do Menor de Alagoinhas, padre Freddy Goven e o pastor presidente da Igreja Batista Hebrom, Bispo Valtércio Silva Ferreira.


A solenidade contou com a presença de vereadoras, vereadores, membros da sociedade civil, familiares e amigos dos agraciados.

A Medalha Mãe Helena de Honra ao Mérito Social foi instituída pela Câmara Municipal de Alagoinhas por meio do Projeto de Resolução n° 004/2023 aprovado em sessão ordinária realizada no dia 8 de dezembro de 2022, após votação dos vereadores e vereadoras. A honraria é destinada a pessoas físicas, empresas ou instituições do terceiro setor que se destacam na promoção de relevantes serviços sociais prestados em Alagoinhas. As indicações das homenagens foram realizadas pelos 17 vereadores da Casa Legislativa.

Neste ano, 25 pessoas recebem a condecoração. Entre os agraciados, estavam o ex- vereador pastor José Lins, fundador da Associação Acampamento de Libertação Pedras Vivas que trabalha prevenindo, educando e fazendo a reinserção de usuários de substâncias psicoativas na sociedade, a partir de 18 anos.

Também recebeu a medalha o professor Giusepe Lamboglia que coordena o Trilhart, um projeto educacional que potencializa o protagonismo e a visibilidade dos estudantes, através de atividades artístico-culturais; e o Arnaldo Santana, conhecido como “Mestre Maresia”, que promove qualidade de vida e uma perspectiva de um futuro melhor para jovens da Comunidade Miguel Velho, através da prática de capoeira, da arte e da cultura brasileira.

*Quem é Mãe Helena*

Helena Vieira Costa nasceu em 31 de outubro de 1918, em Alagoinhas, e faleceu em 20 de março de 1995. Aos 13 anos de idade. Tendo concluído o curso primário, passou a dedicar-se ao convívio com crianças. Sempre buscou ser defensora do direito à vida. Em 1935, iniciou sua tarefa de parteira, aos 17 anos de idade.

Com o apoio de uma amiga de fé, conseguiu convencer uma mãe que morava em Alagoinhas Velha a não abortar o seu bebê. Então, comprometeram-se, previamente, adotar a criança assumindo total responsabilidade sobre a mesma. Assim, elas conseguiram convencer a mãe a salvar a vida da pequena que nascera no dia 3 de junho de 1938, sendo-lhe entregue vinte e quatro horas após o nascimento.
Com a missão de proteger e amparar filhos alheios e órfãos de pais vivos, fundou o Lar Espírita Mãe Helena, em 8 de maio de 1945. A instituição sem fins lucrativos durante várias décadas amparou e acolheu muitas crianças da nossa cidade.

Para assistir a sessão na íntegra clique no link: https://www.youtube.com/watch?v=XkKna5pIiak

Ascom – Câmara Municipal de Alagoinhas
Fotos – Jhô Paz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − 8 =

Ouvidoria

Horários de funcionamento.
Segunda à quinta-feira: 08h às 13h, 14h às 17h. Sexta: 8h às 13h
perm_phone_msg (75) 3318-3319

Onde Estamos?