Secretário de Agricultura e diretor da Central de Abastecimento apresentam planejamento para alocação de feirantes no galpão de frutas e verduras.

Na sessão ordinária realizada ontem (04), na Câmara Municipal de Alagoinhas, compareceram o diretor da Central de Abastecimento, Clécio de Oliveira, e o secretário de Agricultura, George Caboré, para tratar da alocação de feirantes no galpão de frutas  e verduras da Central de Abastecimento, construído por meio do convênio entre a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) com o município de Alagoinhas, orçado  em R$ 2.635.853,83 (dois milhões, seiscentos e trinta e cinco mil, oitocentos e cinquenta e três reais e oitenta e três centavos). Clécio Oliveira e George Caboré apresentaram imagens de antes e depois da obra, assim como o planejamento e organização do novo setor de frutas e verduras e entraves encontrados.

O diretor destacou: “Nós fizemos um levantamento de todos os permissionários que ali existia naquele setor. Todos. Então desde a pessoa que vendia alface aos sábados às pessoas que estavam lá todos os dias então nós fizemos um levantamento pegamos o nome de todo mundo e fizemos esse levantamento porque a gente entendia quando a gente saísse que fosse voltar a gente queria dar garantia a essas pessoas que estavam lá a todo tempo o espaço relacionado ao setor”

O secretário salientou: “Fui convidado por essa Casa, estou explicando para os senhores vereadores e busco aqui também ajuda em algum tipo de opinião ou sugestão…precisamos dar continuidade a organização que aquele setor ali tanto precisa. Essa Casa também é responsável pela melhoria daquele setor. Foram os senhores vereadores que colocaram na LOA recurso para que a gente pudesse organizar o que está lá organizado”.

O vereador Jorge da Farinha pontuou: “Já vão fazer 60 dias que foi inaugurado, então acho que já passou da hora de colocar o povo lá no novo galpão!”, complementando: “Aproveitar que vossa senhoria está aqui e pedir também para aquele galpão de cereais  e diversos, o pessoal tá reclamando que as lâmpadas estão apagadas, as bicas estão caindo água, estão pedindo que dê uma ajeitada nas bicas porque tá chegando o inverno, então ter esse cuidado com os feirantes ali que são pessoas realmente que precisam trabalhar e precisam de um local adequado”.

O vereador Márcio da Cavada enfatizou: “A gente sabe que a central ainda precisa de muitas melhorias, mas tenho certeza de que o senhor tem os projetos na sua gaveta. Eu encontrei o senhor em Salvador outro dia atrás de deputado na Secretaria de Infraestrutura pedindo e buscando recursos para poder realizar melhorias para Central”.

A vereadora Raimunda Florêncio fez um pedido ao secretário: “Eu sou frequentadora daquela feira a vida inteira, desde moça. Ela nunca teve tão bem quanto está hoje, a verdade é essa! Então eu quero lhe parabenizar viu, Caboré e lhe fazer um grande pedido: de olhar mais por aquele local onde ficam os peixes, a peixaria, é um mau cheiro terrível. A entrada ali, não tem quem suporte passar ali para dentro para fazer a compra dos peixes. É um problema antigo, muito antigo”.

 

SIM

Na sessão de ontem (04), foi aprovado o projeto de Lei nº 024/2024 de autoria do Poder Executivo que “dispõe sobre a constituição do Serviço de Inspeção Municipal (SIM) e os procedimentos de inspeção sanitária em estabelecimentos que produzam produtos de origem animal e dá outras providências”.  

 

Para assistir a sessão na íntegra clique no link: https://www.youtube.com/watch?v=KYVFWrkxZ3A&t=7264s

Ascom – Câmara Municipal de Alagoinhas

Foto – Jhô Paz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 + 3 =

Ouvidoria

Horários de funcionamento.
Segunda à quinta-feira: 08h às 13h, 14h às 17h. Sexta: 8h às 13h
perm_phone_msg (75) 3318-3319

Onde Estamos?